Nova pagina 1

Pagina Principal     Notícias     Mensagem     Humor     Fé e Religião     Galeria      Receitas     Chat     Emails Recebido     Artesanato     Cultura    

   Listas Telefônica online    Vídeo     Pagina do Zé     Fale conosco

 
Pagina Principal
Pagina Principal

Destaque

Notícias
Tabela da Copa
Chat
Fórum
Perguntas e Respostas
Sites de jornalismo
Mensagem
Emails Recebido
Artesanato
Humor
Cultura
Fé e Religião
Galeria
Vídeo
Conheça Santa Rita
Agenda
Receitas
Pagina de José Pereira
Listas Telefônica online
Lista  Telefônica, Paraná
Lista  Telefônica,  Sta Rita
Auxilio a lista telefônica
Enquête
Busca CEP
Tradutor
Pesquisa
Hora no mundo
Previsão do tempo
Cursos
Vende-se
Fale conosco
Fale com um amigo

Fale com Juari

WebMail
Admin
Link Católico
Diocese de Toledo
Dom Francisco, Bispo de Toledo
Busca Católica
Sites Pessoais
Colégio Estadual de Santa Rita D´Oeste
Jerônimo Mendes
Administradores
adecas.com.br
Sites de Noticias regionais
Visitantes Online
125
Contador de visitas
Previsão do tempo  Previsão mais dias
 

Nova pagina 1

 
ACONTECEU

Não me dava prazer, mais não conseguia ficar sem ele

Eu procurei incentiva a pessoa escreve as suas histórias. Como muito pouco ou nada escrevem, passei a incentivar a contar suas histórias. Essa que vou contar, vou usar a pessoa pessoa no singular, vou escrever do jeito que ele contou. a pessoa pediu para não ser identificada. Lembrando que tudo isso foi contado em várias etapas. Veja como segue.

Eu morava numa cidade pequena, estava na pior, pedi o emprego, meu filho ficou doente, gastei tudo que possuía, no hospital. Sem dinheiro sai a procura de emprego e não encontrava, eu já não sabia o que fazer, vendo minha família passando dificuldades, meu filho a ponto de passar fome. Nessa situação eu aceitava qualquer serviço.

Apareceu um senhor dizendo que tinha um serviço para mim fazer, era um produto para vender, era negócio quente e dava muito dinheiro. Aceitei a proposta, então ele me entregou o produto, me indicou algumas pessoas, então avisei que tinha o produto caso tivesse interesse.

Dentro de poucos dias, eu estava com mil reais no bolso, minha situação estaria resolvida dentro de poucos dias. Fiquei curioso, imaginado que substância é essa que fazem carrero, rumo a minha casa para buscar o produto. então resolvi experimentar.

Daquele dia para cá, perdi o interesse por tudo, pelo trabalho, pelo dinheiro pela família, de vendedor passei a usuário. A policia passou a rondar minha casa, já estavam desconfiado, por isso queriam dar um flagrante, o produto da venda parou de chegar. Fiquei na pior, os trocos que conseguia ia tudo para as drogas. Fiquei insuportável, minha mulher voltou para casa do pai dela.

Eu fiquei naquela situação, mais como um moribundo, nem vivo nem morto. Todo dinheiro que eu ganhava era para adquirir o produto, que não me dava prazer, mais eu não conseguia ficar sem ele. Um dia a policia me pegou, na revista encontrou uma pequena quantidade, me levou preso, tentaram me prender como traficante, mais no julgamento, não conseguiram provar que eu era traficante, porque a quantidade era muito pequena, peguei uma condenação por usuário, na realidade não era mais traficante e simplesmente usuário.

Na cadeia foi terrível, primeiro pela abstinência de ficar sem a droga. No inicio se tivesse droga eu nem preocupava em ficar na cadeia. mais depois que a abstinência passou, pude notar o quanto é terrível ficar na cadeia, a falta de liberdade é terrível, ali a gente está nas mãos dos outro, só come se eles dão, só bebe se eles dão, a convivência com pessoas estranhas, dava medo.

Fiquei seis meses na cadeia, não sei o que foi pior se a cadeia ou se as drogas, é difícil explicar, vou dar nota pior para as drogas, pois foi ela quem me levou a cadeia.

Hoje estou em liberdade vigiada, na casa de parentes, bem longe de minha cidade, não quero voltar para lá, para não encontrar os amigos das drogas, tenho medo de voltar a usar, tenho medo de voltar a cadeia, por isso não, fazer nada errado, para não ter de pegar toda a pena em regime fechado.

 

 

 escreva para mim   Voltar
 

Publicidade

PUBLICIDADE

Odontologia Santa Rita Fone 44 3648 1193     

Escritório Santa Rita Fone..44..3648..1101